Kenjutsu

Kenjutsu-novo

Kenjutsu, pode ser traduzido literalmente como a “Arte da Espada”; trata-se de um termo genérico para todos os Koryu tradicionais, ou seja, escolas de esgrima japonesa. Trata-se de uma tradicional arte militar japonesa, originalmente praticado pelos samurais ou bushi. Sua origem se deu através de combates travados com espadas à centenas de anos no Japão e com o tempo, os melhores guerreiros começaram a estudar essas técnicas de luta com espada até que por volta dos séculos VII ou VIII surgiu o kenjutsu como arte marcial.

Inicialmente o Kenjutsu servia unicamente para a guerra, portanto, aspectos filosóficos e espirituais não eram muito desenvolvidos, porém, com a estabilidade politica no Japão, após a grande batalha em Sekigahara, em que marcou a ascensão do Shogun Tokugawa Ieyasu, aos poucos suas técnicas foram sendo lapidadas e formando complexos estilos marciais, nos quais era desenvolvido não só a potencialidade física para a luta, mas também os aspectos morais e espirituais que poderiam ser aplicados no cotidiano do praticante.

DIFERENÇAS ENTRE KENDO E KENJUTSU
Kenjutsu, pode ser traduzido literalmente como a “Arte da Espada”, enquanto Kendo é traduzido como “Caminho da Espada”; este segundo termo somente passou a ser utilizado após a restauração Meiji, em que passou a ser questionada a necessidade de se manter as escolas (Ryu) de Kenjutsu, em tempos de paz, uma vez que, o kenjutsu era destinado a guerra.Assim, muitas escolas, buscando adaptar-se aos novos tempos, passaram a denominar suas técnicas como Kendo. Até que, com a instauração da Kobukan, os mestres dos inúmeros estilos registrados naquela entidade, resolveram unificar as técnicas e regras de competição foram criadas.

Atualmente as regras e técnicas do Kendo, como sendo uma modalidade esportiva do Kenjutsu, se tornaram unas de tal forma que não se pode mais dizer-se sobre diferentes estilos do Kendo, pois ele se tornou um único esporte.O Kenjutsu, portanto, continua a ser utilizado para distinguir as escolas tradicionais de estudo da arte da espada japonesa.A arte que se originou com a classe samurai no Japão feudal, significa “o método, ou técnica, de espada.”

Isto é o oposto do kendo, que significa “o caminho da espada”.Nesta arte marcial tipicamente japonesa, seu praticante realiza um estudo completo das formas de combate com a espada, bem como ética, disciplina e espírito de combate, tornando-se um Caminho (Dô) para toda a vida.No Japão, desde os seus primórdios, dentre vários armamentos, a espada vem sendo reverenciada. Isso se deve ao fato de haver muitas histórias relacionadas à espada, nos mitos e lendas japonesas. Além disso, as espadas eram ofertadas como tesouro divino aos templos ou recebidas como símbolo da nomeação de um generalíssimo.

Durante e idade feudal japonesa surgiram diversos estilos de Kenjutsu, chamados Ryu, ou escolas da espada, onde se conservam até hoje as antigas técnicas de seus fundadores, treinadas por meio de kata, seqüência de movimentos pré-estabelecidos com um adversário imaginário e/ou com um outro praticante de forma controlada.