J-pop

j_popA cultura pop atingiu vários seguimentos culturais no Japão, e não poderia deixar de ser com seu maior veículo, a música. Chamado de J-pop, a música por japonesa se tornou um gênero musical, devido a sua peculiar forma; acontece que o idioma japonês não se enquadrava na forma musical pop do ocidente, então, os cantores japoneses adaptaram a forma de pronuncia do idioma japonês em suas letras. Isso resultou em uma forma totalmente particular de cantar.

Isso aproximou a maneira de cantar dos japoneses com os cantores pop do ocidente.

O J-pop, mas especificamente falando, é um gênero musical voltado principalmente ao público jovem, e ganhou grande popularidade nos anos 90 através da sua propagação pela internet, época em que foi cunhado o termo J-pop.


Dentro do gênero J-pop, no entanto, existem diferentes estilos, dos quais, podemos citar como mais conhecidos o Enka, em que são utilizados instrumentos tradicionais japoneses, em contraste com os que buscam inspirar-se no movimento pop ocidental, com utilização de guitarra, bateria e outros instrumentos modernos.

Por não possuir raízes próprias, o pop japonês sempre buscou seguir as tendências mundiais e transformações no mercado musical. Assim, por exemplo, artistas como Yujiro Ishihara e Yuzo Kayama seguiram uma tendência mais romântica, semelhante a Elvis Presley. Outros artistas seguiram a era do disco, e depois do hip hop.

Apesar de se espelharem nos ídolos internacionais, os artistas japoneses sempre buscaram uma identidade própria, criando um estilo original que ditou um conceito seguido até hoje. Essa busca por uma identidade própria encantou e atraiu os ocidentais, principalmente os jovens, que buscavam modelos diferenciados de uma nova cultura pop, que priorizasse muito mais a criatividade e diferentes arranjos musicais.
Sayuri-Sugawara

Dentro desta mistura de ritmos e arranjos musicais, sons tradicionais, como Taiko, se misturam com o som de guitarras, baterias e outros diferentes instrumentos musicais e até música eletrônica, num contraste entre o novo e velho. Assim, artistas renomados vão utilizando instrumentos tradicionais – encontrados em outros estilos musicais – de uma forma totalmente nova e diferenciada, dando uma nova leitura àqueles instrumentos clássicos.

Outra vertente do J-pop muito popular entre os jovens são as trilhas sonoras de tokusatsu (séries japonesas como Ninja Jiraya Kamen Rider, Ultraman, Jaspion etc.), bem como animes (desenhos animados como Samurai X, Samurai 7, Bleach, Death Note), no qual seus cantores se tornam celebridades em quaisquer lugares onde tais seriados ou animes sejam exibidos.

Não há dúvida que o J-pop é um gênero musical que alcançou o mundo, se popularizou entre os jovens ocidentais e ainda vai crescer muito no Brasil.