Imagens do Mundo Flutuante

0

Pintura de Hiroshige.

Texto de Lucas Machado de Oliveira.
Portrait_à_la_mémoire_d'Hiroshige_par_Kunisada

Dentre as imagens que mais contribuíram para formar o Japão para o Ocidente estão aquelas de Hiroshige (1797-1858). Filho de um oficial chefe dos bombeiros do castelo de Edo, Utagawa Hiroshige começa a estudar a arte do ukiyo-e (浮世絵, literalmente “imagens do mundo flutuante”) com catorze anos. Ao contrário de certa vertente da pintura chinesa que privilegiava a representação da natureza idealizada, palco das reflexões de sábios confucionistas e daoístas, o ukiyo-e se ocupa do mundo e dos seus elementos em constante transformação.

Para Hiroshige, nada é indigno de ser retratado: paisagens solenes, ondas violentas, seres fantásticos, pássaros de várias espécies, plantas, naturezas mortas, pessoas em seu cotidiano etc.

Por mais problemática que sejam as afirmações a respeito da mentalidade de um povo, é impossível ver os desenhos de Hiroshige e não lembrar das considerações de Junichiro Tanizaki:

“Em louvor da sombra.”

Para este escritor japonês, a cultura de seu país seria permeada pela oposição entre luz e sombra, entre o que é dito e o que deve ser lido nas entrelinhas. Essa não é também a característica mais marcante do haikai e da cerimônia do chá tal como elaborada por Sen no Rikyu?


GALERIA DE OBRAS DE HIROSHIGE

Gostou desta publicação? Ajude o NEJAP a crescer e curta sua página no Facebook!

Clique aqui para curtir o Facebook/NEJAP

Share.

About Author

Kauê Metzger Otávio

Residente de Florianópolis, Santa Catarina, aluno que transita errante pelos departamentos de História e Letras da UFDC, começou a estudar história japonesa como hobby, no ensino médio. Mais tarde, na faculdade, passou a dar uma ênfase maior à história japonesa, posteriormente interessando-se também pela sua literatura. Há dois anos começou seus estudos em história chinesa, embora ainda esteja engatinhando nesta área. Objetivo: "Pretendo disputar em duelo de iaijutsu por uma vaga para mestrado no Japão."

Comments are closed.